Matheus Vargas exalta trabalho de Mancini e relata chegada de Marcelo Cabo ao Atlético-GO

vargas 131120Em meio a um momento de transição no Atlético-GO, o meia-atacante Matheus Vargas concedeu entrevista ao programa Gazeta Esportiva 1ª Edição e comentou sobre a temporada da equipe.

O atleta relembrou que no início do Campeonato Brasileiro o Dragão vinha sendo desacreditado, mas a equipe conseguiu ter bons resultados na competição.

"No começo do campeonato todo mundo desmereceu o trabalho do Atlético-GO, colocavam como favoritaço a brigar contra o rebaixamento. Mostramos que o futebol não é bem assim, é jogado e não falado. Temos que fazer um ótimo segundo turno para concretizar o trabalho que o Atlético está apresentando até agora", disse o jogador.

Ao falar sobre o desempenho do Atlético-GO, Matheus valorizou o trabalho do técnico Vagner Mancini, que recentemente deixou o clube para comandar o Corinthians.

"O Mancini somou muito para nós. Ele chegou, colocou a filosofia dele e nós jogadores entendemos. Ele sempre falou que a gente tinha que ser um time corajoso, não importava quem fosse o adversário. Quando ele saiu foi um baque para a equipe, mas a gente tem que seguir. Agradecemos tudo o que ele fez no Atlético. A grande maioria, ou todos, torcemos por uma boa campanha dele no Corinthians. É um cara que tem um caráter irretocável", explicou.

Após o "baque" da despedida de Mancini, o elenco do Dragão tenta se adaptar a um novo trabalho, com o comando de Marcelo Cabo. De acordo com Matheus Vargas, o treinador chegou com um discurso de pés no chão.

"Na chegada do Marcelo Cabo, ele deixou bem claro que nosso objetivo é primeiramente a luta contra o rebaixamento. O primeiro objetivo é esse. Se no decorrer do campeonato a gente bater a meta de pontos, que até 45 pontos, aí a gente vai sonhar com a Sul-Americana", concluiu.

No momento, o Atlético é 14º colocado do Campeonato Brasileiro com 23 pontos, três a mais que o Botafogo, primeiro time na zona de rebaixamento.

fonte: gazetaesportiva.com