Invicto e há quatro jogos sem sofrer gols, lateral Lucas Esteves comemora marca e fala sobre bom momento do Atlético-GO

Dragão ainda não perdeu na Série B desde a estreia do camisa 6

esteves 090823cO Atlético-GO está a cinco jogos sem perder e a quatro sem ser vazado no Campeonato Brasileiro da Série B. O desempenho coincide com a estreia do lateral-esquerdo Lucas Esteves e a boa sequência do camisa 6 como titular do Dragão.


Desde a primeira aparição do jogador pela equipe goiana, na virada sobre o Tombense, por 3 a 2, há um mês, no dia 7 de agosto, o time coleciona quatro triunfos e um empate, melhor performance do período (13 pontos ganhos em 15 possíveis) e somente dois gols sofridos, marca idêntica à do líder Vitória no mesmo recorte (cinco últimos jogos da Série B).

“Nossa equipe vem de uma sequência muito boa, acho que mostra não só esse bom momento, mas a qualidade do nosso grupo e o bom trabalho da comissão técnica. Fico feliz de poder ajudar dentro de campo, acho que todos que jogam, e também aqueles que estão no banco, são peças importantes e precisam estar sempre preparados para dar o melhor e ajudar o time. É o que procuro fazer no dia a dia”, afirmou Lucas.

De acordo com a plataforma Wyscout, Esteves acumula, até o momento, 15 recuperações de bola no campo adversário, 19 interceptações, 51 duelos vencidos, além de duas assistências para gol.

“Estou contente pelo meu momento e também pelo momento da equipe, mas procuro me aprimorar e melhorar sempre, a cada trabalho no CT e a cada jogo. Quero contribuir para o Atlético-GO seguir nessa boa toada ao longo da competição para que possamos atingir o objetivo do acesso no final do ano. Um passo de cada vez, sempre focado no nosso objetivo”, concluiu.

Próximo confronto:
Domingo, o Atlético-GO tem o chamado “duelo de seis pontos” diante do Juventude, em Goiânia. Um triunfo igualaria as duas equipes em 44 pontos na tabela da Série B - o Dragão, hoje, tem quatro pontos a menos que o Novorizontino, quarto colocado. Para Lucas, apesar do fator casa ser um trunfo, o confronto será difícil:

“O Juventude tem uma equipe muito qualificada, A gente sabe da qualidade, mas acredito que na nossa casa eles terão uma dificuldade ainda maior, porque o nosso torcedor joga junto, apoia sem parar. A gente vem mostrando a nossa qualidade também, vai ser um jogo duro, equilibrado, e esperamos poder sair felizes no domingo”.


Rafael Alvarez
Assessoria de Imprensa – Think Ball & Sports Consulting