Bola no alvo: Jadson retoma prestígio sendo decisivo no Corinthians

jadson 060218aCamisa 10 lidera o ranking de assistências do clube e é um dos artilheiros do Paulistão

Após terminar 2017 na reserva, Jadson não só retomou sua vaga no Corinthians na atual temporada como começou o ano como o principal jogador da equipe nos primeiros sete jogos do ano - dois válidos pelo Torneio da Flórida, nos Estados Unidos, e cinco no Campeonato Paulista.

Mesmo desperdiçando um pênalti contra a Ponte Preta, na estreia do Timão no torneio estadual, Jadson aparece, ao lado de Bruno Moraes, do Botafogo, como o artilheiro da competição, com três gols. Além disso, lidera o ranking de assistências da equipe em 2018, com três passes para gols.

Na vitória por 1 a 0 contra o Novorizontino, no último domingo, colocou a bola na cabeça do zagueiro Pedro Henrique. Treinada à exaustão, a jogada é uma das armas do Corinthians em 2018 – na Flórida, contra o PSV, o camisa 10 já havia cobrado uma falta para o gol de Rodriguinho.

O bom momento de Jadson passa, principalmente, pela mudança de esquema pensada por Fábio Carille para ele. Ao se deparar com a queda técnica do meia na reta final do Brasileirão, o técnico concluiu que teria de mudar o esquema para que ele voltasse a brilhar. E decidiu pelo 4-1-4-1.

– O desgaste é muito maior nas pontas. O sistema de jogo do Corinthians tem que ter comprometimento de todo mundo. Todo mundo corre, todo mundo se ajuda. Pela beirada, eu estava muito longe do gol. Voltava para ajudar, e estava longe – lembrou Jadson, que hoje joga centralizado com Rodriguinho.

Anunciado como reforço do Corinthians há exatamente um ano, em 6 de fevereiro de 2017, o meia de 34 anos tem um início de ano muito melhor do que o da última temporada, quando voltava de um ano de futebol pelo Tianjin Quanjian, da China, e fez pré-temporada tardia no Brasil.

Após estrear contra o Brusque, em 1º de março de 2017, demorou mais oito jogos para marcar o seu primeiro gol, contra o Linense, em partida que deu ainda uma assistência.

Neste ano, deu o primeiro passe a gol, para Rodriguinho, na primeira partida do ano, diante do PSV.